Como melhorar minhas chances de ser chamado para um processo seletivo?

A atual crise sanitária provocada pela Pandemia do COVID-19 tem reflexos em vários setores da economia e da nossa vida como um todo.

Esses reflexos se estendem para o mercado de trabalho.

As formas de busca de emprego tiveram sensíveis mudanças e se antes já estava difícil a busca por recolocação no mercado de trabalho, agora está muito mais desafiador.

Alguns dados demonstram essa nova realidade:

– Desemprego recorde;

– Atividades paralisadas em razão das restrições provocadas pelo aumento da contaminação pelo coronavírus;

–  Mudanças tecnológicas

– Adoção de home office

– Flexibilização das relações trabalhistas

– Novas maneiras de aprendizagem, aula ao vivo on line é uma delas

– Desaparecimento de algumas profissões e surgimento de outras

Esses fatos desencadeados aceleraram mudanças que poderiam acontecer ao longo de vários anos, mas devido a necessidade de urgência para manter a sobrevivência do negócio, já estão acontecendo em grande parte do país.

Para quem busca emprego atualizar-se nessa nova dinâmica é essencial.

Dou algumas sugestões para que o candidato possa aumentar suas chances de deixar uma boa impressão para o profissional de recursos humanos que está conduzindo o processo seletivo:

A – Atualizar seu currículo de acordo com as tendências adotadas no mercado de trabalho

Um currículo bem elaborado, atualizado, que informe sua evolução pessoal e profissional provoca no selecionador o interesse em te conhecer pessoalmente.

B – Preparar um vídeocurrículo com duração aproximada de 4 minutos com formatação interessante os selecionadores de pessoal

Com a adoção do home office e popularização do vídeo como forma de vender, comunicar, informar e ensinar o selecionador passou a pedir o vídeocurrículo que é uma maneira rápida e dinâmica do candidato se apresentar para a empresa, para o selecionador.

Em razão disso um vídeo gravado com uma boa câmera de celular, um local adequado e iluminado, uma voz segura, transmitida de maneira dinâmica, serena, tranquila, pode fazer toda diferença ao transmitir para o selecionador um resumo de sua história profissional. Existem técnicas que você pode assimilar para cumprir com competência essa tarefa, que já é objeto de vídeos que gravei para o Canal do YouTube ArnaldoSantos.

C- Elaborar uma carta de apresentação para a empresa, abordando uma breve apresentação pessoal, trajetória profissional e perspectivas de carreira

Considero que o segredo para uma boa carta de apresentação é a utilização de uma escrita persuasiva, contando sua história, retratando sua evolução profissional, suas conquistas, superação, aprendizado e capacidade de realizar um bom trabalho no futuro empregador. E nada melhor do que você para contar essa história, num formato de carta com uma folha, cerca de 30 linhas, com português correto, termos claros, concordância e estrutura da língua portuguesa. Uma boa carta de apresentação cativa o selecionador.

D – Manter um perfil atualizado na Rede LINKEDIN com informações sobre você, experiência profissional e interesses

O Portal do LINKEDIN é seguramente uma vitrine profissional e ter o perfil cadastrado nela torna-se uma boa oportunidade de ficar conhecido pelos selecionadores das empresas, pois a maioria está cadastrado nela.

Ter uma foto de qualidade, o título do seu cargo cadastrado, suas perspectivas profissionais, bem como seus propósitos, preferências e experiência profissional relatado objetivamente.

Também é interessante para montar sua rede de contatos, o networking.

Sua utilização habitual do LINKEDIN pode ser feita com interações, opiniões, textos, compartilhamentos, curtidas, vez que o SEO tem um ranking interno para variados fins e usos na plataforma/portal.

E – Cadastrar-se em sites especializados, reconhecidamente eficazes na divulgação de oportunidades de trabalho

Você pode cadastrar-se em sites de empresas especializadas em agenciamento de vagas e trabalho efetivo/temporário.

É uma forma de divulgar para especialistas que você está procurando emprego e disposto a receber ofertas de trabalho.

Realize uma pesquisa para avaliar as empresas mais adequadas a seu perfil profissional, que costumam ter oportunidades de trabalho interessantes para você.

F – Elaborar uma lista de empresas que podem receber seu currículo ou cadastro, para potenciais oportunidades de emprego

Tenha em mente uma lista preferencial de empresas que você gostaria de trabalhar. Com essa lista em mãos, pesquise o site, veja se a empresa tem uma política de contratação no estilo TRABALHE CONOSCO.

Em seguida faça o que chamo de busca ativa e cadastre-se na empresa, veja para onde ela orienta o envio de currículos, anote o e-mail de selecionadores da empresa, veja se existe um telefone específico para a área de recrutamento e seleção de pessoal. Contate, seja gentil, prestativo, anote tudo que for orientado e logo em seguida encaminhe seu currículo/cadastro.

G – Matricular-se em cursos de atualização profissional, gratuitos ou pagos

Estar atualizado na sua profissão é que te diferenciará numa entrevista técnica, na realização de provas, projetos e testes práticos.

Para isso verifique periodicamente as empresas que oferecem cursos na sua área. Dentro do possível, participe de cursos rápidos de atualização.

O mercado está dinâmico e em algumas profissões 3 meses já é suficiente para sair uma atualização de leis, de sistemas informatizados, de aplicativos governamentais.

E o desconhecimento dessas mudanças pode te excluir do processo seletivo, pois algum candidato pode já ter esse conhecimento e se destacar.

H – Informar a amigos, ex-colegas de trabalho, pessoas de seu conhecimento, que está em busca de oportunidade profissionais

Sua rede de amizades pode ser a maior fonte de vagas para o cargo que você está buscando. As pessoas ao conhecerem sua capacidade, idoneidade e caráter podem te indicar, oferecer a informação para participar de processos seletivos. Pense nisso.

I – Buscar algum tipo de mentoria ou tutoria, com profissionais e professores de sua área de atuação, para troca de conhecimento profissional, orientação sobre comportamentos e posturas adequadas para a área de interesse profissional

Podemos melhorar sempre, diariamente, e nada melhor do que ter em suas amizades ou referências profissionais que possam transmitir um pouco da experiência, da maturidade, da sabedoria para você.

De forma gratuita ou na forma de prestação de serviços existem mentores que podem te ajudar, seja em conversas, sessões, reuniões virtuais. Informe-se a respeito.

CONCLUSÃO

Esse conjunto de providências poderá fortalecer sua autoestima, a motivação e a busca estruturada por oportunidades de trabalho, que tem uma forte tendência de se tornarem cada vez mais escassas.

Pode ser que alguma das dicas não se encaixe no seu perfil, no seu estilo de vida.

Pode ser que outro profissional tenha dicas diferentes, que façam mais sentido para você!

Penso que nesse momento é essencial que você dedique o máximo de energia que puder, nessa missão de buscar ser incluído em um processo seletivo.

Além de processos seletivos, existem outras possibilidades de atuar no mercado, como autônomo e até mesmo empreendedor.

Dependerá do seu perfil pessoal e profissional.

Avalie, amadureça, considere essa e outras possibilidades de atuação profissional.

Entre elas está o empreendedorismo.

A respeito do empreendedorismo, abordarei futuramente em outra postagem que estou preparando

Espero que as sugestões te ajudem a encontrar a sonhada oportunidade profissional, você possa ser chamado, realizar as demais etapas, se destacar e comemorar o “seu sim, a vaga é minha, estou empregado”, momento tão desejado e almejado por você.

Vou ficando por aqui te convidando a acompanhar meu trabalho nas redes sociais.

Um forte abraço

Arnaldo Pereira dos Santos

Psicólogo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *